Psiquiatra Infantil

Médico psquiatra especializado em crianças
AUTISMO – DEPRESSÃO – ANSIEDADE – PÂNICO – TRAUMAS – TRANSTORNO BIPOLAR – TRANSTORNOS ALIMENTARES – INSÔNIA 

Agende agora pelo Whatsapp

Horário de funcionamento

Segunda a Sexta 8:00 – 18:00
Sábado 8:00 – 13:00

 (61) 3294-7152

Temos atendimento de urgência

Psiquiatria Infantil

AUTISMO – DEPRESSÃO – ANSIEDADE – PÂNICO – TRAUMAS – TRANSTORNO BIPOLAR – TRANSTORNOS ALIMENTARES

Agende agora pelo Whatsapp

Psiquiatra Infantil

Na psiquiatria infantil e adolescente, os médicos trabalham com crianças, jovens (até 18 anos) e suas famílias. Eles tratam uma série de problemas e condições de saúde mental, incluindo distúrbios do espectro do autismo, depressão, ansiedade, uso indevido de substâncias e distúrbios alimentares.

A psiquiatria infantil e adolescente é uma especialidade da psiquiatria que trabalha com crianças e jovens até 18 anos de idade e suas famílias. Trabalhar como psiquiatra infantil e adolescente oferece uma oportunidade de fazer uma diferença significativa na vida da próxima geração. Trata-se de uma especialidade interessante e desafiadora que registrou enormes desenvolvimentos nas últimas duas décadas e continua avançando bastante.

Trabalhar com crianças e jovens significa que é possível uma intervenção precoce neste período crítico, com o potencial de fazer uma diferença ao longo da vida para aqueles que estão sendo vistos. 75% dos problemas de saúde mental de adultos começaram antes dos 18 anos de idade e há evidências de que intervenções precoces podem reduzir a probabilidade de transtornos mentais na idade adulta. A psiquiatria infantil e adolescente combina os rigores e a ciência da medicina, com a arte e a criatividade da terapia. A capacidade de defender os jovens e melhorar a saúde mental pública adiciona dimensões ao trabalho, o que significa que as possibilidades são abundantes.

Trabalhar em psiquiatria infantil e adolescente é variado e gratificante. Existem muitas abordagens para o tratamento, desde terapia cognitivo-comportamental até terapia familiar. Os medicamentos e a admissão em uma unidade de internação podem ocasionalmente ser usados, mas isso é menos frequente do que nos serviços de saúde mental para adultos.

Os psiquiatras de crianças e adolescentes acreditam na importância da família e da comunidade e isso se reflete na prestação de serviços. O trabalho enfatiza uma abordagem multidisciplinar e de várias agências. Isso significa colaborar com colegas com habilidades em diferentes áreas ou com parceiros de outras organizações, como escolas, serviços sociais, hospitais ou polícia. A consulta com outras agências é uma parte importante do trabalho, para garantir a integração de intervenções em todos os níveis. Os psiquiatras de crianças e adolescentes vêem uma grande variedade de pacientes de todas as esferas da vida. Os jovens apresentam muitos problemas diferentes, incluindo:

Problemas de neuro-desenvolvimento surgidos na infância:

  • transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH);
  • autismo e dificuldade de aprendizagem;
  • distúrbios de tique.

Problemas emocionais e comportamentais:

  • comportamento perturbador;
  • dificuldades de alimentação e higiene;
  • depressão;
  • ansiedade e TOC (transtorno obsessivo-compulsivo);
  • resposta a trauma ou adaptação à vida (como violência doméstica e divórcio);
  • distúrbios de apego.

Outros problemas significativos de saúde mental:

  • distúrbios alimentares;
  • psicose;
  • auto-mutilação e tentativa de suicídio.

Às vezes, o trabalho é realizado com outros profissionais ou prestadores de cuidados de jovens, em vez de diretamente com o próprio jovem. Por exemplo, psiquiatras infantis e adolescentes podem trabalhar com professores, cuidadores adotivos, pediatras, irmãos ou outros envolvidos com um jovem em dificuldade. Os psiquiatras consultores geralmente fornecem aconselhamento especializado, liderança e apoio à equipe de saúde mental em geral. Um bom entendimento das estruturas legais também é importante, pois os psiquiatras de crianças e adolescentes podem precisar intervir sugerindo um arranjo de cuidados específico, provisão educacional ou garantindo a segurança dos jovens por meios legais.

Psiquiatra Infantil Brasilia

Na psiquiatria infantil e adolescente, os médicos trabalham com crianças, jovens (até 18 anos) e suas famílias. Eles tratam uma série de problemas e condições de saúde mental, incluindo distúrbios do espectro do autismo, depressão, ansiedade, uso indevido de substâncias e distúrbios alimentares.

A psiquiatria infantil e adolescente é uma especialidade da psiquiatria que trabalha com crianças e jovens até 18 anos de idade e suas famílias. Trabalhar como psiquiatra infantil e adolescente oferece uma oportunidade de fazer uma diferença significativa na vida da próxima geração. Trata-se de uma especialidade interessante e desafiadora que registrou enormes desenvolvimentos nas últimas duas décadas e continua avançando bastante.

Trabalhar com crianças e jovens significa que é possível uma intervenção precoce neste período crítico, com o potencial de fazer uma diferença ao longo da vida para aqueles que estão sendo vistos. 75% dos problemas de saúde mental de adultos começaram antes dos 18 anos de idade e há evidências de que intervenções precoces podem reduzir a probabilidade de transtornos mentais na idade adulta. A psiquiatria infantil e adolescente combina os rigores e a ciência da medicina, com a arte e a criatividade da terapia. A capacidade de defender os jovens e melhorar a saúde mental pública adiciona dimensões ao trabalho, o que significa que as possibilidades são abundantes.

Trabalhar em psiquiatria infantil e adolescente é variado e gratificante. Existem muitas abordagens para o tratamento, desde terapia cognitivo-comportamental até terapia familiar. Os medicamentos e a admissão em uma unidade de internação podem ocasionalmente ser usados, mas isso é menos frequente do que nos serviços de saúde mental para adultos.

Os psiquiatras de crianças e adolescentes acreditam na importância da família e da comunidade e isso se reflete na prestação de serviços. O trabalho enfatiza uma abordagem multidisciplinar e de várias agências. Isso significa colaborar com colegas com habilidades em diferentes áreas ou com parceiros de outras organizações, como escolas, serviços sociais, hospitais ou polícia. A consulta com outras agências é uma parte importante do trabalho, para garantir a integração de intervenções em todos os níveis. Os psiquiatras de crianças e adolescentes vêem uma grande variedade de pacientes de todas as esferas da vida. Os jovens apresentam muitos problemas diferentes, incluindo:

Problemas de neuro-desenvolvimento surgidos na infância:

  • transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH);
  • autismo e dificuldade de aprendizagem;
  • distúrbios de tique.

Problemas emocionais e comportamentais:

  • comportamento perturbador;
  • dificuldades de alimentação e higiene;
  • depressão;
  • ansiedade e TOC (transtorno obsessivo-compulsivo);
  • resposta a trauma ou adaptação à vida (como violência doméstica e divórcio);
  • distúrbios de apego.

Outros problemas significativos de saúde mental:

  • distúrbios alimentares;
  • psicose;
  • auto-mutilação e tentativa de suicídio.

Às vezes, o trabalho é realizado com outros profissionais ou prestadores de cuidados de jovens, em vez de diretamente com o próprio jovem. Por exemplo, psiquiatras infantis e adolescentes podem trabalhar com professores, cuidadores adotivos, pediatras, irmãos ou outros envolvidos com um jovem em dificuldade. Os psiquiatras consultores geralmente fornecem aconselhamento especializado, liderança e apoio à equipe de saúde mental em geral. Um bom entendimento das estruturas legais também é importante, pois os psiquiatras de crianças e adolescentes podem precisar intervir sugerindo um arranjo de cuidados específico, provisão educacional ou garantindo a segurança dos jovens por meios legais.

DR. DIEGO CANELHAS

CRM-DF: 18795 | RQE: 14068

  • Especialista em crianças com déficit de atenção e hiperatividade (TDAH);

  • Especialista em crianças com transtorno opositor desafiador (TOD);

  • Especialista em crianças e adolescentes com ansiedade, pânico e depressão;

  • Pesquisa em autismo “The perception of changes in a controlled school environment by autistic children”;

  • Pesquisa e Desenvolvimento de equipamento para diagnóstico de autistas por meio de aparelho;

psiquiatra brasília
  • Livro em fase de publicação sobre crianças com autismo leve;

  • Mentoria por pesquisadores da universidade de UCLA Califórnia e da universidade de San Diego – Centro de referência em autismo;

  • Mentoria por Helmuth Vollger, M.D e Leanne Vollger, Ph.D, pesquisadores americanos na california;

  • Residência em Psiquiatria na SES/DF no Hospital São Vicente de Paula;

  • Graduado em Medicina pela Universidade de Brasília (UnB);

AGENDE SUA CONSULTA PELOS TELEFONES (61) 3297-7152 e 98339-3007
OU PRÉ-AGENDE 24HS NO FORMULÁRIO ABAIXO – AGENDAR PELO WHATSAPP whatswapp psiquiatra brasilia (clique aqui)

Nome Completo:

Telefone:

Email:

Consulta:

Data de interesse:

Período:



clinica psiquiatra brasilia 3
clinica psiquiatra brasilia 2
clinica psiquiatra brasilia 4
clinica psiquiatra brasilia 2